sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

FELIZ ANO NOVO!


"Se no ano que passou,
você não conseguiu atingir suas metas,
concretizar sonhos, acumulou mágoas
e não superou desafios inesperados,
agora é a hora de abrir as janelas da mente e do coração para o futuro."

quinta-feira, 29 de dezembro de 2011

Nhoque a Bolonhesa sem Glúten

Segundo uma lenda italiana, dia 29 de cada mês é o dia de comer nhoque para atrair fartura.
Abaixo a receita que faço com frequência e que é uma delícia.

Ingredientes
1 kg de batatas cozidas 
1 1/2 colher (sopa) de margarina
2  ovos
Maisena o quanto baste para dar consistência macia
Sal


Modo de Preparo
Cozinhe as batatas, escorra bem e passe-as pelo espremedor. Coloque em um recipiente e misture todos os ingredientes, amassando com as mãos até que forme uma massa lisa.
Polvilhe uma mesa com maisena, faça rolinhos e corte os nhoques. Cozinhe aos poucos em água fervente.
Com uma escumadeira retire os que boiarem. Escorra e coloque em travessa para servir.
Cubra com o seu molho de preferência (usei molho a bolonhesa).
Muito bom . Perfeito!













quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Mini Quiche de Alho Poró Sem Glúten

Ingredientes 

Massa:
01 gema
6 colheres (sopa) de margarina culinária
2 1/2 xícaras (chá) de farinha preparada
01 pitada de sal

Recheio:
02 colheres (sopa) de azeite de oliva
Talos de alho poró picados
2 colheres (sopa) de cebola bem ralada
250ml de leite sem lactose (usei No Lac Itambé)
1 1/2 colher (sopa) de amido de milho
Queijo Minas ralado ou em cubos (se não tiver restrição a lactose)
Sal a gosto
Noz-moscada e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo
Massa:
Misture bem em um recipiente os ingredientes da massa até que formem uma mistura homogênea. Envolva em um plástico e leve para a geladeira.
Recheio:
Aqueça o azeite em uma frigideira e refogue o alho poró. Reserve.
Faça um molho branco (bechamel) com os demais ingredientes.
Misture ao refogado reservado.

Coloque massa entre dois sacos plásticos e, com auxilio de um rolo, abra a massa e forre as forminhas. Com um garfo faça furos no fundo e leve para assar no forno médio até que fiquem douradas.
Despeje o recheio sobre a massa e leve ao forno novamente por mais 20 minutos ou até que esteja consistente e dourado. 
Muito bom!.............

Farinha Preparada
3 xícaras de creme de arroz
1 xícara de fécula de batata
½ xícara de polvilho doce
Misture tudo e guarde em pote bem fechado.




domingo, 11 de dezembro de 2011

Bolo Verde de Limão sem Glúten


Ingredientes:
3 ovos
1 xícara (chá) de açúcar
1/2 xícara (chá) de óleo
1/2 xícara (chá) de suco de limão
1 xícara (chá) de farinha preparada
1 xícara (chá) de maisena
1 gelatina sabor limão
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 colher (chá) de goma xantana
1 pitada de sal
Margarina para untar e maisena para polvilhar.

Cobertura
1 lata de leite condensado
Suco de aproximadamente 2 limões
Raspas de limão
                                                                                                                                                                   
Modo de Preparo:
Bata os ingredientes no liquidificador, deixando por último o fermento em pó e a goma xantana.
Leve ao forno pre aquecido em forma untada e polvilhada com maisena.

Para a cobertura, misture em uma vasilha o leite condensado com o suco de limão e aplique sobre o bolo frio. Enfeite com raspas de limão.

Realmente delicioso!.........

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Bolo de Queijo sem Glúten


Como sempre, uma receita deliciosa recebida de minha mãe.

Ingrediente:
1 lata de leite condensado
½ xícara (chá) de queijo Minas ralado
½ xícara (chá) de coco ralado
1 xícara (chá) de fécula de batata
4 ovos
1 colher (sopa) de fermento em pó

Preparo:
Bater as gemas até que fiquem claras e acrescente o leite condensado, sem parar de bater. Junte o coco, o queijo e a fécula de batata e misture bem.
Polvilhe o fermento sobre a massa e adicione as claras em neve mexendo delicadamente.
Despeje em forma untada e leve ao forno médio par assar por aproximadamente 35 minutos.
Desenforme ainda quente.

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Fricassé de Frango sem Glúten


Ingredientes

1 lata de creme de leite
1 lata de milho verde em conserva com a água
1 copo de requeijão cremoso
Azeitona sem caroço a gosto
2 peitos de frango em cubos pequenos
Aproximadamente 200 g de mussarela fatiada
Batata palha
Sal


Modo de preparo

No liquidificador, bata o milho, o requeijão e o creme de leite. 
Refogue o creme formado juntamente  com o frango, as azeitonas e o sal até ficar com uma textura espessa.
Despeje o refogado numa assadeira, cubra com mussarela e espalhe a batata palha por cima. Leve ao forno até derreter o queijo.
Sirva quente acompanhado de arroz branco  e batata palha.
 

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Bolinho de Coco sem Glúten




Chamo este bolo no diminutivo, por ser muito delicado e também por render um bolo pequeno.
Desta vez fiz em forminhas individuais.
Muito saboroso, experimente.

Ingredientes:

1 lata de leite condensado
3 ovos
100g de coco ralado
1 colher (sopa) de fermento em pó sem glúten

Modo de Preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador, deixando o fermento por último.
Leve para assar em forma untada com margarina.
Faça o teste do palito, deixe esfriar e sirva.

sábado, 15 de outubro de 2011

Rocambole de Arroz sem Glúten

Favorável a reaproveitamento, esta receita é uma boa indicação: Deliciosa e aprovadíssima.

Ingredientes

1 xícara de arroz cozido
2 ovos
1/2 xícara de leite
1/2 xícara de amido de milho
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó
1/4 xícara de óleo
Queijo ralado a gosto

Modo de Preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador.
Unte uma assadeira retangular com óleo e polvilhe amido de milho.
Despeje a massa e levei ao forno préaquecido.
Faça o teste do palito, retire do forno e desenforme em cima de um pano de prato úmido.
Prepare um recheio de sua preferência (usei frango desfiado), coloque-o quente e enrole com a ajuda do pano úmido.
Deixe um pouquinho para firmar, retire o pano e coloque em um prato.
Cubra com requeijão e leve novamente ao forno ou com maionese e sirva em temperatura ambiente.


terça-feira, 11 de outubro de 2011

PANDECO

Esta é uma das lembranças de infância que acompanham a todos da minha família paterna. Da singela vida no interior de Minas Gerais, a simplicidade de uma receita  muito apreciada  e que somente anos depois, descobrimos a semelhança com a Panqueca Americana.
A receita foi adaptada  sem glúten e poderá ter a farinha preparada substituída pela farinha de trigo, para os não celíacos.

Ingredientes

1 ovo inteiro
4 colheres (sopa) de açúcar
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 copo (250 ml) de leite
Farinha preparada  até engrossar

Modo de preparo:

 Misture o ovo com o açúcar muito bem. Acrescente o sal, o leite e o fermento e vá acrescentando a farinha até atingir uma consistência grossa.

Coloque porções em uma frigideira untada com óleo e frite dos dois lados, como panqueca.

Sirva com geléia, mel de abelha ou pura, conforme quiser.
Farinha Preparada

3 xícaras de creme de arroz
1 xícara de fécula de batata
½ xícara de polvilho doce
Misture tudo e guarde em pote bem fechado.

sábado, 1 de outubro de 2011

Bolo de Chocolate com Coco sem Glúten




Recebi esta receita de uma colega, Patrícia.
Conferi e divido com vocês.
Uma delícia...


Ingredientes

6 ovos
6 colheres (sopa) de açúcar refinado
6 colheres (sopa) de margarina
6 colheres (sopa) de chocolate em pó em glúten
1 colher (sopa) de fermento em pó sem glúten
1 pitada de sal
100g de coco ralado

Modo de Preparo:

Bata bem os  ingredientes no liquidificador, reservando o coco para ser integrado no final, batendo mais um pouco.
Coloque em uma forma untada com margarina e leve para assar em forno previamente aquecido.
Fiz em forminhas para cupcake.

 Muito bom!

terça-feira, 27 de setembro de 2011

Turismo sem Glúten

Imaginem um celíaco fazendo turismo pelo Brasil.
De algumas experiências vividas, minha filha não obteve sucesso.
Temos o privilégio de ver regulamentada a inclusão nos rótulos e embalagens dos alimentos a indicação da presença ou não do glúten, mas ainda é pouco.
Os alimentos nem sempre são saborosos e sempre muito caros.

Agora imaginem um celíaco fazendo turismo na Europa.
Em uma viagem minha filha conheceu o prazer de voltar a comer um sanduíche MacDonald’s (que principalmente os jovens adoram). Isto mesmo, sem glúten.





Os espanhóis estão de parabéns, saíram na frente, mas podem servir de incentivo para muitos outros inclusive brasileiros.

Segundo a minha filha "as comidas sem glúten encontradas na França , Espanha e Suiça também são deliciosas". Destaque para os pães da marca Schar, ainda indisponível no Brasil.


A Espanha está na verdade muito a frente de vários países. Vejam foto de um cardápio, tipicamente celíaco, de café da manhã em um hotel . Totalmente fora da nossa realidade...







sábado, 17 de setembro de 2011

Bolo Mesclado



Pela primeira vez estou postando uma receita com Goma Xantana* (usei o Mix de Gomas – Goma Guar + Goma Xantana(SaborAlternativo:www.saboralternativo.com.br)

Ingredientes

3 ovos
1 1/2 xícara (chá) de açúcar
1 colher (sopa) de margarina
1 xícara (chá) de leite morna
2 1/3 xícaras (chá) de farinha preparada
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 colher (chá) de goma xantana
Chocolate em pó sem glúten

Modo de Preparo
 Bata as claras em neve e reserve. 
Na batedeira, bata as gemas, o açúcar e a margarina até formar um creme claro. Acrescente o leite morno, a farinha preparada e o fermento e bata até incorporar bem. Em seguida, misture delicadamente as claras em neve. Divida a massa em 2 partes e acrescente o chocolate a uma delas, misturando bem. Despeje a massa clara numa forma untada e cubra com a massa escura às colheradas, para mesclar a massa. Asse em forno pré aquecido até que ao espetar o bolo com um palito, ele saia seco.
Muito gostoso!

* “Goma Xantana é um produto produzido pela fermentação de açúcar de milho com culturas de Xanthomonas capestris microorganismo.
É amplamente utilizado na indústria de alimentos para tornar os produtos mais grossos e é um ingrediente geralmente usado em receitas sem glúten e funciona como espessante.
O aspecto físico de goma xantana é um pó de cor creme que dissolve na água quente ou fria, produzindo soluções de viscosidade relativamente alta em baixas concentrações.”



domingo, 11 de setembro de 2011

Escondidinho de Mandioca com Carne Seca

Ingredientes:
1 colher (sopa) de margarina
2 xícaras (chá) de carne seca dessalgada, cozida e desfiada
2 tomates maduros picados sem pele e sem sementes
1 cebola picada
3 dentes de alho amassados
Salsinha picada
Sal
Purê:
650 g de mandioca
Sal a gosto
1 xícara (chá) de leite quente
1 caixinha (200g) de creme de leite
1 colher (sopa) de margarina
Requeijão cremoso e mussarela ralada

Modo de preparo:
Cozinhe a mandioca sem casca em água e um pouco de sal. Passe-a mandioca ainda quente pelo espremedor um pelo processador.
Adicione o leite quente, a margarina e o sal (cuidado porque a carne foi dessalgada), leve ao fogo, coloque o creme de leite, incorpore bem até que fique em uma consistência lisa.
Para a carne, refogue a cebola e o alho na margarina. Coloque o tomate e deixe cozinhar. Acrescente a carne desfiada, corrija o tempero.
Despeje o refogado em um refratário e cubra com o purê.
Coloque uma camada pequena de requeijão e polvilhe a mussarela.
Leve ao forno pré aquecido por aproximadamente 20 minutos até dourar.
Sirva em seguida.

Este prato é muito gostoso e pode ser feito com diferentes recheios e em pequenas porções individuais.

Abaixo seguem algumas fotos da montagem dessa receita:

Montagem Inicial - Coloque o refogado de carne seca e cubra com o purê de mandioca

Vista superior do prato - Acima do purê estão uma camada de requeijão cremoso e o queijo ralado


As duas últimas imagens são do aspecto final do prato, depois de gratinado

domingo, 4 de setembro de 2011

DOCE DE BATATA DOCE





Ingredientes:
1 kg de batata doce
1 kg de açúcar
1 vidro de leite de côco (200ml)
2 pacotes de gelatina sem sabor, incolor (24 g cada)
2 colheres (café) de anilina comestível vermelha

Modo de fazer:

Cozinhe as batatas, descasque-as e esprema. Coloque a massa em uma panela, junte o leite de côco, o açúcar, a gelatina e a anilina.
Leve ao fogo mexa até desgrudar da panela.
Despeje em uma assadeira, de forma uniforme (espalhada) e leve a geladeira. Depois de bem frio, corte em quadradinhos e passe no açúcar.

Simples, fácil de fazer e muito gostoso!............

domingo, 21 de agosto de 2011

Bolo de Banana com Castanha do Pará


Esse bolo tem um sabor bastante particular. É delicioso. Adaptei a receita do site: www.delishvillesemgluten.com

Ingredientes
3 bananas nanicas maduras
2 ovos
1/2 xícara  (chá) de açúcar
1/4 xícara  (chá) de óleo de soja
1 xícara (chá) de farinha de mandioca
1 colher  (sobremesa) de fermento em pó
1 colher  (café) de canela em pó
1/4 xícara  (chá) de castanha do Pará triturada em pedaços



Modo de preparo
Amasse as bananas com um garfo para formar um purê. Reserve.
Coloque as claras na batedeira e bata até ficarem firmes. Acrescente as gemas e bata novamente até ficar clarinha. Adicione o açúcar, acrescente o óleo e a farinha de mandioca.
Incorpore, fora da batedeira, a banana, a canela, a  castanhas e o fermento em pó.
Unte a forma e leve para assar até que ao espetar um palito ele saia limpo.
Polvilhe açúcar e canela após retirar do forno.
Bom apetite!

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Biscoitinho Delícia sem Glúten e sem Lactose



De sabor delicado e muito fácil de fazer, vale a pena experimentar este biscoitinho .
Espero que gostem também.

Ingredientes
250g de farinha preparada
100g de açúcar refinado
1 ovo grande
¼ xícara (chá) de óleo
1 colher (sobremesa) de fermento em pó
½ colher (café) de bicarbonato de sódio
1 pitada de sal

Modo de Preparo

Misture bem o açúcar, o óleo, o ovo. Acrescente o fermento em pó, o bicarbonato e o sal. Agregue a farinha aos poucos até o ponto de abrir a massa entre uma folha de plástico. Corte no formato desejado e leve para assar em forma untada com óleo e polvilhada com farinha.

Obs: juntando-se dois biscoitinhos com recheio de doce de leite ou de goiaba, tem-se um ótimo "casadinho".

Farinha Preparada

3 xícaras de creme de arroz
1 xícara de fécula de batata
½ xícara de polvilho doce
Misture tudo e guarde em pote bem fechado.

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

Bolo com Iogurte




Dos vários testes e pesquisas realizados, esta receita  é sem sombra de dúvida uma das mais saborosas. Um  bolo delicado e delicioso.
Espero que gostem!








Ingredientes

4 ovos
1 copo de iogurte natural
1 copo de óleo(não precisa ser muito cheio)
1 copo de amido de milho
1 1/2 copo de farinha preparada
2 copos de açúcar
1 colher (chá) de sal
1 colher(sopa) de fermento em pó

Modo de preparo:

Bata bem todos os ingredientes no liquidificador, deixando por último e fermento. Unte uma forma com manteiga e cubra com farinha preparada. Leve ao forno previamente aquecido a 200°.
 Obs: Use como medida  o copo de iogurte

Farinha Preparada

3 xícaras de creme de arroz
1 xícara de fécula de batata
½ xícara de polvilho doce
Misture tudo e guarde em pote bem fechado.



sábado, 6 de agosto de 2011

Bolo de Fubá (para principiante)

Este bolo que tem uma aceitação muito grande, foi-me ensinado por um tio (Hildefonso) que já não se encontra entre nós e com ele comprovamos  uma vez mais a versatilidade do fubá. 


Ingredientes:

3 ovos
1 copo de leite
1 colher (sopa) cheia de manteiga ou margarida
1 copo de açúcar
1 copo de fubá
1 copo de queijo Minas radado
1 colher (sopa) de fermento em pó

Modo de preparo:

Bata todos os ingredientes no liquidificador, deixando por último o fermento e o queijo.
Em um tabuleiro untado com óleo ou margarina e polvilhado com fubá, despeje a massa e leve para assar em forno quente.

Muito gostoso, vale a pena conferir.

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

Tortinha de Frango

Ingredientes:
200g de farinha de arroz
2 colheres  (sopa) de margarina
1 gema
Água gelada para dar ponto.
Modo de preparo:
Misture a farinha de arroz  com a margarina. Coloque a água aos poucos até conseguir uma massa de consistência firme. Abra a massa entre duas folhas de plástico e forre as forminhas com a massa. Coloque o recheio de sua preferência. Cubra com a outra parte da massa e pincele com a gema. Asse em forno pré-aquecido.
Quanto ao recheio, faça o de sua preferência. Aqui, usei 1 peito de frango cozido com sal.
Em uma panela, colocar 1 colher (sopa) de margarina, dourar  dois dentes de alho amassados e ½ cebola ralada. Acrescentar dois tomates maduros picados sem pele e sem sementes.
Desmanchar um pouco e acrescentar o peito de frango desfiado. Deixar apurar, corrigir o tempero e colocar salsa picada. Espere esfriar.

domingo, 31 de julho de 2011

Torta de arroz sem glúten



Ingredientes

2 xícaras de arroz pronto
1 ovo
Queijo Minas ralado
Leite o suficiente para bater a massa no liquidificador
Noz-moscada
1 colher ( sobremesa) de fermento em pó
Salsa picadinha
Recheio de sua preferência

Modo de Preparo:

Bata no liquidificador o arroz cozido, o ovo, o queijo, leite o suficiente para que a massa fique firme e misture os temperos.
Unte um refratário com azeite, estenda a metade da massa, coloque o recheio e  por cima o restante da massa,
Pincele com gema de ovo e leve para assar.
Sirva quente ou fria.

Sugestão: Fiz o recheio com frango desfiadinho mas pode ser feito de queijo, presunto e mussarela... Vale o que tiver na geladeira.

sexta-feira, 22 de julho de 2011

Bolo de Milho sem Glúten

Mais uma vez, posto aqui um mimo recebido das amigas Blenda e Berta



Ingredientes

1 lata de milho verde escorrido
1 lata  de leite
¼ de lata de óleo
1 lata de açúcar cristal
1 lata de fubá
3 ovos
1 pitada de sal
1 colher (sopa) de fermento em pó
1 pacote (100g) de côco ralado

Modo de preparo:

Bater tudo no liquidificador e misturar por último o fermento em pó.
Assar em tabuleiro grande, untado e “polvilhado” com fubá.

Obs: A lata utilizada como medida é a do milho verde

SABOROSÍSSIMO.....................

sexta-feira, 8 de julho de 2011

Broa de Fubá de Canjica


Ingredientes

5 ovos inteiros
1 xícara(chá) de leite
1 xícara (chá) de óleo
2 xícaras (chá) de fubá de canjica
4 colheres (sopa) de açúcar
1 pitada de sal

Modo de preparo

Bata no liquidificador os ingredientes, exceto o fubá de canjica.
Despeje em uma vasilha e acrescente o fubá misturando até virar uma massa consistente.
Polvilhe uma xícara com fubá, coloque uma colher de massa dentro da xícara e bata (nine) com as mãos até formar uma bolinha.
Leve para assar em forno quente e tabuleiro untado com óleo.

Experimente acompanhadas de um cafezinho. Deliciosas!......................

domingo, 3 de julho de 2011

Mousse de Maracujá sem glúten da Vovó Joana

A receita de hoje é uma sobremesa deliciosa e muito fácil de fazer segundo a vovó Joana (minha mãe). Nossa dica para a sobremesa do Domingo. Vale experimentar!


Ingredientes:

1 lata de leite condensado
2 caixinhas de creme de leite
1 xícara de chá de suco de maracujá
1 caixinha de gelatina de maracujá


Modo de Preparo:


Ferva um copo de água e coloque a gelatina na água quente para desmanchar. 
Bata todos os outros ingredientes no liquidificador . Junte a gelatina e misture um pouco. 
Agora é só colocar em uma forma molhada e levar a geladeira. Deixe pelo menos umas 08 horas para que a mousse fique com a consistência bem firme.

Não custa alertar que é muito importante checar os rótulos do leite condensado, do creme de leite e da gelatina para ter certeza que os produtos que estamos utilizando realmente não contem glúten.

sexta-feira, 1 de julho de 2011

Canjica com Amendoim


Essa receita foi feita na noite de São Pedro, dia 29 de junho. Uma comida típica de uma tradição brasileira deliciosa - as festas juninas. 


Ingredientes:

500g de canjica branca
500 g de amendoim torrado, descascado e moído
1 lata de leite condensado
1 litro de leite
Açúcar a gosto
Cravo e Canela em pau

Modo de Preparo:

Cozinhe a canjica branca em panela de pressão com água.
Quando estiver quase macia retire da pressão. Adicione o  leite e deixe ferver até ficar cremosa.
Acrescente o leite condensado e se necessário, coloque açúcar.
Deixe ferver mais um pouco e por último acrescente o amendoim, o cravo e a canela.
Deixe os ingredientes encorporarem e sirva morno.


sábado, 25 de junho de 2011

Batata Rosti Recheada



Ingredientes

3 a 4 batatas
Requeijão cremoso tipo Catupiry®
Peito de frango
Cebola ralada, tomate, cheiro verde, sal e pimenta-do-reino a gosto
Azeite

Modo de preparo

Cozinhe as batatas com casca até ficarem al dente. Deixe esfriar, leve-as ao freezer por 10 minutos. Retire do freezer, descasque-as e rale-as  passando cada uma pelo ralador sempre na mesma direção, de cima para baixo. Tempere com o sal e a pimenta. Reserve.

Refogue o frango com o azeite, a cebola e o tomate. Tempere com o sal, pimenta e cheiro verde e retire do fogo. Desfie o frango e junte o requeijão, até formar uma pasta.

Unte uma frigideira pequena e cubra o seu fundo com a metade da batata ralada.

Deixe fritar bem até formar uma crosta douradinha. Vire com cuidado e várias vezes. Reserve e repita a operação com o restante da batata ralada.

Coloque no centro 2 colheres (sopa) bem cheias do recheio e cubra com o restante da batata já frita. Com a colher, aperte e molde a batata, para que fique arredondada. Cozinhe por cerca de 10 minutos de cada lado. Regue com um fio de azeite ao virar a batata, se necessário.

Sirva acompanhada de uma salada verde. Ou outra de sua preferência.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Bombocado de Mandioca


Ingredientes:

500 g de mandioca descascada
3 ovos
1 vidro pequeno de leite de côco
11/2 xícara (chá) de açúcar refinado
3 colheres (sopa) de margarina
1 colher (sobremesa) de fermento em pó

Modo de Preparo:

Separe um terço da mandioca, rale no ralo grosso e reserve.
Bata no liquidificador o restante da mandioca, os ovos, o leite de côco e  a margarina.
Em uma tigela misture os ingredientes batidos, o açúcar e o fermento em pó.
Despeje em forma untada e polvilhada com fubá e leve para assar em forno quente.
Deixe esfriar e sirva.

Acompanha bem um cafezinho ou um suco de frutas.

domingo, 5 de junho de 2011

Charuto de Repolho

Fiquei um tempo afastada do blog, sem conseguir postar nada por aqui... Mas hoje envio um receita deliciosa que já é tradicional na minha família. 

Espero que gostem!!!


Ingredientes:

500g de carne moída
1 colher (sopa) de azeite
1 cebola grande picada
Alho amassado, salsa e cebolinha picadas
10 azeitonas verdes picadas (opcional)
1 xícara de arroz lavado e escorrido

1 repolho pequeno

1/2 lata de molho de tomate

Modo de preparo:

Leve ao fogo uma panela grande com água e sal. Quando levantar fervura, coloque o repolho inteiro para cozinhar.

Vá separando, aos poucos as folhas do repolho ainda dentro da panela, vá retirando aquelas que já estiverem cozidas. Não deixe que fiquem muito moles. Retire o talo central e corte a folha ao meio.

Para o recheio refogue a carne com todos os temperos e misture bem com o arroz cru.

Pegue uma folha de repolho cozido coloque o recheio e enrole dando o formato de charuto.

Em uma panela acomode os charutos lado a lado e cubra com o molho de tomate. Para arrematar coloque folhas de repolho por cima do molho.

Não mexa em nenhum momento a panela! Deixe cozinha por aproximadamente 30 minutos.



domingo, 15 de maio de 2011

Lasanha de Batata



 500g de  batata inglesa
Água fervente
2 caldos de legumes sem glúten

Molho Bechamel:

1 litro de leite
5 colheres (sopa) de maisena
4 colheres (sopa) de cebola picadinha
1 colher (sopa de alho picado
100g de manteiga
1 pitada de noz-moscada
Sal a gosto

Para a montagem:
500 g de queijo mussarela ralado grosso
500 g de peito de frango cozido, desfiado e refogado (ou outro recheio de sua preferência)
Molho de tomate
Manjericão picado a gosto
Queijo ralado para polvilhar

Preparo:
Massa: corte as batatas no sentido do comprimento, em fatias finas (se possível, utilize um fatiador para que fiquem da mesma espessura).
Em uma panela, dissolva os tabletes na água fervente e deixe ferver um pouco.
Acrescente as batatas fatiadas e deixe cozinhar até ficarem “al dente”.
Retire as batatas da panela, escorra e reserve.
Molho Bechamel: em uma panela, refogue o alho e a cebola na manteiga até amolecer.
Coloque o leite (reserve um pouco para dissolver a maisena) e quando ferver acrescente a maisena dissolvida.
Mexer sem parar.
Tempere com sal e noz-moscada.

Montagem:
Em um refratário, faça camadas com o molho Bechamel, as batatas, o molho de frango e o queijo mussarela.
Polvilhe com queijo ralado e manjericão.
Leve ao forno médio pré-aquecido para gratinar.

Muito Bom!.............................

quarta-feira, 11 de maio de 2011

Muffins de Banana

Adaptei esta receita  de uma dica que peguei no Blog Doce Mania (http://www.dolcemania.info/2010/08/banana-muffins-glutenfree.html) e quero aqui agradecer por esta ótima dica.
Vale a pena experimentá-la.

Ingredientes:

1/2 xícara chá de farinha de milho
1/2 xícara (chá) de fubá
1/2 xícara (chá) de fécula de batata
100 g de açúcar refinado
1 colher (chá) de fermento em pó
1 pitada de sal
150 g de bananas maduras amassadas
100g de margarina derretida
2 ovos

Modo de preparo:

Misture as farinhas, o açúcar, o fermento em pó e o sal. Acrescente, já misturados, as bananas, os ovos e a margarina.
Incorpore bem, sem cansar a massa , encha as forminhas e leve para assar em forno pré aquecido a 180°C até ficarem dourados.

Realmente saborosíssimos.

sábado, 7 de maio de 2011

FELIZ DIA DAS MÃES


Mães! 
(Autor desconhecido)


Mãe branca, mãe preta, mãe amarela                
Mãe loura, morena ou ruiva
Mãe caseira ou cigana itinerante
Mãe de todas as raças, de todas as cores
Mãe que mendiga, mãe que trabalha
Mãe que freqüenta alta sociedade
Mãe que é mãe a todo momento
Sem importar condição social
Mãe é só uma palavra que soa 
Como favos de mel dentro da boca. 
Mãe guerreira, mãe preciosa
Mãe zelosa, preocupada
Mãe cozinheira, lavadeira, até lixeira
Mãe empresária, industriaria, comerciaria
Mãe dona de casa, madame ou empregada
Mãe que luta com todas as garras
Mãe que batalha por um bem-estar
Por querer muito para o seu filho ou filha
Que sempre tenha em seu mundo
Momentos de muita paz e amor
Com um crescimento interior
Que o faça um alguém nesta vida. 
Mãe biológica, mãe adotiva
Mãe que reza, que abençoa
Mãe que perde noites de sono
Mãe que ensina a ler e escrever
Mãe que nos mostra o que é a vida
E o caminho certo a percorrer
Mãe que é Pai em sua ausência, 
Pai que é Mãe em tempo integral
Como o substituto adequado
Sem ter medo de ser piegas
Mas por necessidade primordial
De chegar enfim ao final da estrada, 
Ver seu rebento crescido, vitorioso
Como um grande ser humano real. 
Mãe que sempre incentiva
A lutar, vencer, crescer
Como gente, ser humano
Sem pisar no semelhante
Procurar ser alguém importante
Acreditar em Deus, ter fé
Mãe que só pensa no que é melhor
Mãe que acarinha, que acalanta
Mãe que bronqueia na hora certa
Mostrando um caminho para seguir
Mãe que está sempre presente
Em todas as horas
Mesmo que a distância se faça sentir. 
Mãe é mãe não importa onde esteja
Não importa o que seja
Nada tira o seu valor. 
E por você mãe presente, onipotente
Que se orgulha por ser mãe,
Por correr atrás do tempo
Tentando suavizar suas marcas
Por você que é mãe ausente
Mãe que existe só na lembrança
Que partiu tão de repente
Deixando no ar só a saudade
Eu te faço esta homenagem. 

Mãe de todo dia, ano por ano
Mãe, Mamãe, Mãezinha
Mammy do meu, do seu coração
Este é o nome mais lindo
Suave, sonoro, abençoado
Por Maria, rainha de todas as Mães. 
Que Deus guarda com todo carinho
Bem no meio da palma de sua mão.

quinta-feira, 5 de maio de 2011

Dia Nacional do Celíaco – 15 de maio

Ainda não existem estudos suficientes para se determinar a incidência da Doença Celíaca no Brasil. Em alguns países da Europa, onde a doença tem sido bastante estudada, a incidência é, em média, de 1 caso a cada 200 habitantes.

A doença celíaca, não é uma alergia, mas sim uma doença auto-imune caracterizada por lesão da mucosa intestinal, provocada por uma incapacidade de digerir o glúten.

O glúten é uma proteína que está presente no trigo, aveia, centeio, cevada e malte. Ele que confere elasticidade e auxilia no crescimento das massas em geral.

O intestino é repleto de micro vilosidades, responsáveis pela absorção dos nutrientes que ingerimos através dos alimentos. Em portadores da doença, o glúten agride e danifica essas vilosidades, o que pode resultar em deficiência de vitaminas, minerais e redução da absorção de calorias, importantes para garantir o correto funcionamento de nossas células.

Os sintomas mais comuns da doença celíaca são: diarréia crônica, distensão abdominal, vômitos, baixo peso, baixa estatura, falta de apetite, apatia, anemia e desnutrição, que, na ausência de tratamento, podem levar o paciente à morte.

Os sintomas podem variar de um indivíduo para outro. Há, inclusive, casos em que os sintomas não estão presentes, o que dificulta o diagnóstico.

Para o tratamento da doença é fundamental realizar acompanhamento com nutricionista, a fim de seguir uma dieta rigorosa, que exclua o glúten da alimentação. A retirada do glúten da dieta leva a regeneração das microvilosidades intestinais e melhora na absorção de nutrientes, acabando com os sintomas manifestados pela maioria dos portadores de doença celíaca. O único tratamento eficaz é a dieta isenta de glúten, que deve ser seguida por toda a vida

Para ter certeza de que pode consumir o alimento, é fundamental criar o hábito de ler os rótulos dos produtos. Os produtos alimentícios, por lei, devem incluir a informação sobre a presença de glúten.

A falta de informação sobre a doença se estende por todas as camadas da sociedade e toda mobilização em prol da divulgação e esclarecimento sobre a doença celíaca propiciará uma melhor adaptação para os celíacos.

Em todo o país haverá, neste mês, mobilização em apoio e divulgação sobre a doença celíaca. Em Belo Horizonte haverá no dia 21/05 a caminhada promovida pela ACELBRA – MG. 

Informações baseadas no texto do dr. Cristiano Rigatto, Nutricionista Científico da Spport Produtos Nutricionais http://www.nutricaoempauta.com.br/lista_artigo.php?cod=351 e de Thais Souza e Natalia Lautherbach - Nutricionistas da Rede Mundo Verde http://www.mundoverde.com.br/BibliotecaArtigoDetalhe.asp?Id_Artigo=1710


domingo, 1 de maio de 2011

Postas de Peixe ao Forno




1 Kg de peixe em postas (cação, namorado, robalo)
Sal e limão
1 cebola cortada em pétalas
Alho em lascas a gosto
1 tomate maduro, picado em tiras, sem pele e sem sementes
1 pimentão verde, 1  amarelo e 1  vermelho cortados em tiras
Azeite
Salsa e manjericão.

Preparo:

Tempere as postas de peixe com limão e sal e deixe descansar por 30 minutos.
Em uma panela aqueça 2 colheres de azeite, refogue o alho e a cebola  sem deixar queimar.
Acrescente o tomate e os pimentões e tempere a gosto. Deixe até que dêem uma murchada, mas fiquem crocantes.
Em um refratário, untado com azeite, disponha as postas de peixe escorridas e sobre elas o refogado. (Se quiser, faça camadas alternadas de peixe e refogado).
Cubra com papel alumínio e leva ao forno pré-aquecido por aproximadamente 20 minutos.
Tire o papel.
 Coloque folhas de manjericão, leve por mais 10 minutos ao forno e sirva a seguir.